quarta-feira, 28 de abril de 2010

Erliquiose

É uma doença também conhecida como febre da carraça e é causada por uma bactéria chamada Erlichia canis que infecta os glóbulos brancos dos cães e de outros animais silvestres. É transmitida pela picada da carraça Rhipicephalus sanguineus ou por transfusões sanguíneas.


Tem um período de incubação que vai de 8 a 20 dias e os sintomas são:
- Apatia
- Perda de apetite
- Febre
- Perda de peso
- Hemorragias (nasais, sangue na urina ou fezes)
- Gânglios aumentados
- Manchas vermelhas na pele (petéquias)
- Anemia
- Alterações no fígado e rim

O diagnóstico faz-se através de análises específicas ao sangue que permitem detectar a bactéria, embora numa fase inicial da doença os testes possam ser negativos. Por vezes é necessário realizar ecografia para avaliar o fígado e baço ou análises à medula óssea em casos mais graves.
O tratamento é feito com antibióticos e anti-inflamatórios apropriados durante um mês. Nos casos em que há anemia grave pode ser necessário realizar transfusões sanguíneas.
O prognóstico é bom e os animais começam a melhorar após 3 dias de tratamento caso não haja alterações da medula óssea ou insuficiência renal associada.
A prevenção desta doença é a melhor solução e uma vez que não existe vacina deve-se apostar em colocar no cão produtos que impeçam a carraça de picar transmitindo a bactéria.

5 comentários:

  1. o meu cachorro amanheceu com uma hemorragia nasal já tomou a medicação,mais continua com um grande fluxo de sangue tem algo que eu possa fazer?

    ResponderExcluir
  2. A hemorragia nasal pode ser devido a vários motivos. Ele tem erliquiose? Leishmaniose?
    Para além da medicação para tratar a causa da hemorragia também pode se pode tentar estancar a hemorragia com tamponamento.
    Dirija-se ao seu médico veterinário, para ele reavaliar se é necessário mais algum tratamento.

    ResponderExcluir
  3. Meu cão está com o pelo caindo e com hematomas com coagulação na pele, algumas vazam, está fazendo tratamento há 3 dias, para erquiliose e não vejo melhora, o estágio dele é crítico? Encontrei ele jogado na rua e adotei, porém já estava bem doente, tenho medo dele morrer, o que faço?

    ResponderExcluir