segunda-feira, 21 de março de 2011

Hérnia Perineal

A Hérnia Perineal é uma doença comum em cães machos, especialmente os não castrados. Ocorre em animais com uma certa idade, entre os sete e nove anos e é rara em fêmeas. O processo pode ser uni ou bilateral.

A cavidade abdominal é um grande espaço onde ficam os intestinos, a bexiga, o fígado e outros órgãos. Esta cavidade encontra-se fechada por aponevroses, músculos, fáscias e por ossos, havendo somente orifícios naturais que permitem a passagem de vasos e outras estruturas. Mas quando, por qualquer motivo, ocorre um enfraquecimento desta parede ou um alargamento desses orifícios as estruturas que estão dentro do abdómen tendem a sair por esse orifício, criando uma protrusão visível.

A hérnia perineal resulta de um enfraquecimento e separação dos músculos e fáscias que formam a parede que separa a zona pélvica/abdominal da zona perineal. O diafragma pélvico fica incapaz de suportar a parede rectal. Em casos avançados o conteúdo pélvico e/ou abdominal sai ao lado do recto, mantendo-se debaixo da pele. Verifica-se assim um abaulamento subcutâneo ao lado e abaixo do ânus que pode variar de dimensões ou nem ser perceptível aos donos.

A causa exacta da fraqueza muscular é desconhecida, mas alguns factores parecem favorecer esta situação, como atrofia muscular neurogênica ou senil, miopatias, aumento de volume da próstata, alterações hormonais e obstipação crónica. Algumas raças apresentam predisposição, tais como o boston terrier, o pequinois e o boxer.

Os sinais clínicos mais frequentes são tenesmo (dificuldade e dor na defecação), obstipação e aumento de volume perineal, que pode ser redutível ou não. Se houver envolvimento da bexiga urinária haverá dificuldade ou impossibilidade de urinar.

O diagnóstico baseia-se na história clínica, sinais clínicos, exames físicos e exames complementares de diagnóstico tais como a radiografia e a ecografia, sendo a palpação rectal um dos exames mais importantes, para a determinação das estruturas que formam o aumento de volume perineal.

O tratamento é cirúrgico, existindo várias técnicas
. É uma cirurgia que pode ser muito complicada, principalmente se houver envolvimento de ansas intestinais e bexiga. As recorrências são comuns e está indicada a castração do animal para tentar evitar recidivas. Entre as possíveis complicações pós-operatórias de maior relevo, destacam-se a infecção da ferida, a incontinência fecal, o tenesmo, o prolapso rectal e a paralisia do nervo ciático.

21 comentários:

  1. bem interessante, mas gostaria de saber da testura, pois minha cadela esta com algum bem parecido, sendo de uma testura bem dura, como se tivesse um ossso por de baixi da pele, seria assim mesmo

    ResponderExcluir
  2. Oi não sei se é o mesmo caso, meu cachorro tem um volume em um dos lados, mas é bem mole, como gelatina balançando quando caminha.
    O veterinário dele já confirmou que é hérnia devido aumento de próstata. Cirurgia é de risco pq ele tem idade. Então estamos contolando, ele evacua normal, urina normal e aparentemente não tem dor, segundo o vet dele, pois ele disse que cachorro com dor fica com cara triste, parado, não brinca e nem come. O meu faz de tudo, mas me preocupa muito que possa ter dor...To rezando sempre e pedindo graças ao Senhor para ele ter uma vida longa e com qualidade de vida.
    Tomara que sua cadelinha se cure também, que qualquer coisa q seja que passe logo.
    Boa sorte.
    Ana

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito desta orientação.......

    ResponderExcluir
  4. meu cachorro fez essa cirurgia a 5 dias e nao quer comer nada sera que isso e normal ????

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, em 21 de fevereiro de 2014 meu cachorro de 13 anos fez essa cirurgia, ele operou pela manhã e à noite eu já levei ele para casa, ele estava muito bem, não teve sangramentos e pouca dor que foi controlada com medicação. A hernia dele foi dos dois lados e até eu descobrir o que realmente ele tinha foi muito demorado, passei por vários médicos que sempre falavam que era câncer e que eu deveria sacrifica-lo, mas eu não aceitava isso de forma alguma, outros médicos se recusavam a opera-lo e dizia que ele não iria suportar e que era melhor deixar como estava (agonizando, cheio de fezes e sentindo muita dor), isso para mim são monstros e deveriam perder o direito de exercer a função como médico, mas até que Deus colocou um anjo em nosso caminho, uma médica que trabalha em uma ONG em São Mateus SP essa médica assim que o examinou constatou que se tratava de hernia perineal ela já me encaminhou para uma médica que fazia essa cirurgia, então fomos para o Hospital Veterinário Dr Wagner Antônio da Costa Val em Mauá SP onde a Dra. Valeria e o médico especialista nos atendeu prontamente, marcamos a cirurgia para o dia seguinte e foi tudo perfeito. Meu baby velhinho está ótimo, gordinho e lindo. Agradeço a Deus por ter me ajudado a encontrar essas médicas e ter salvado meu bebezinho. Esses médico que queriam que eu sacrificasse meu cachorro me falava barbaridades, que se operasse meu cachorro iria remover o anus dele e que talvez não tivesse pele para costurar novamente, que o pós operatório era terrível e muitas outras coisas que não vou falar aqui mas que a cada consulta eu ficava mais desesperada, pois via o sofrimento do meu cachorro e todas essas clinicas que passei eu pagava consultas, exames, medicações, cheguei até a deixar ele internado, mas tudo em vão. Quem tiver com seu animalzinho passando por esse problema, eu indico que procure um médico e fale sobre a cirurgia, mas antes tente sentir se realmente é um médico que ama o que faz, e que não pensa apenas no dinheiro e não está nem ai para os animais. A clinica que os médicos me falaram essas barbaridades é uma clinica 24h localizada em Mauá na Av Barão de Mauá. Essa eu não recomendo. Péssimos "atendentes". Ah, o pós operatório é ótimo, precisa manter o local muito limpo para não infeccionar, lavar com sabonete antibacteriano sempre que ele evacuar e reduzir a quantidade de comida, eu misturo uma colher de óleo mineral na comida dele até hoje para facilitar a evacuação. Amo meus animais e faço tudo para vê-los feliz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie. Meu cachorro teve isso. Consegui que operasse num hospital veterinário da região, mas agora voltou e bem maior. Estou desesperada porque ele ta mt quieto, so dorme, nao come direito e a hernia ta mt grande mesmob como uma bolsa pendurads. To bem agoniada porque o hospitsl vet da univ está em greve, meu cachorro mors c meus pais na bahia e eu moro em Curitiba. Nao temos dinheiro nem para o veterinário. Meu cao tem 9 anos e estou vendo ele so piorando. Nao sei o q fazer, nao durmo direito pensando nele e de Curitiba nao posso nem acompanhar direito. Meus pais sao velhos e nao tem dinheiro tb. O que eu fsço? Se continuar piorando assim pode romper esss bolsa? Ele vai parar de conseguir fazer xixi? Eu terei que sacrificá-lo? Me ajudem. To desesperada. Meu nome eh Patricia Andrade e meu email eh patyvieira01@gmail.com. preciso de uma orientação. ...

      Excluir
    2. Falei com vc no e-mail para saber de seu cãozinho. Estou na mesma situação que vc é estou muito angustiada.

      Excluir
    3. Falei com vc no e-mail para saber de seu cãozinho. Estou na mesma situação que vc é estou muito angustiada.

      Excluir
  6. MEU CACHORRO E VELHINHO E ESTA COM HERNIA NAO SEI OQUE FAZER TO COM MEDO POIS ELE TEM 15 ANOS ,ELE TA NORMAL MAIS EU PERCEBO QUE AS VEZES A PERNINHA DELE ESCORREGA PARECE QUE ELE NÃO TEM FORÇA NÃO SEI SE É POR CAUSA DA HERNIA OU POR ALGUM OUTRO MOTIVO,ESTOU COM MUITO MEDO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Procura cirurgia para ele. Só com a cirurgia resolve

      Excluir
    2. É dor que ele sente. Procura anted que fique como o meu que não consegue mais defecar direito e sofre mais.

      Excluir
  7. minha cachorrinha esta com hernia intestinal o veterinario disse que nao podia opera porque ela ja ta bem velhinha e nao vai aguentar acontece que de ontem pra ca ela ta sangrando muito coloquei gelo parou mas hoje começou tudo de novo nao sei o que fazer liguei para o veterinario dela ele esta viajando meu deus me ajude que faço nao sei mais que fazer dei dipirona mas ela nao esta sentindo dor porque ela nao esta triste esta brincando comeu raçao com leite nao sei mais que faço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leve a outro veterinário.

      Excluir
    2. Leve em outro que ame os animais e opere

      Excluir
  8. Boa tarde !
    tenho um cachorro que está com esse tipo de hérnia alguém pode me informar o valor da cirurgia ?

    ResponderExcluir
  9. Oi o meu Boxer acabou de ser diagnosticado, vou encaminhá-lo p
    cirurgia. O vet cobrou 1300.

    ResponderExcluir
  10. Meu vira lata está com esses sintomas, acho que ele não tem dificuldade de defecar e nem urinar, come de tudo, depois disso então é que ele está comendo mesmo. Está magro, com a barriga inchada, com inchaço em um dos lados do ânus, não tem forças nas pernas de trás, teve convulsão uma vez, estou dando dipirona para ele. Ele está triste, passa maior parte do tempo deitado, tem dias que está até animado. Infelizmente não tenho condições financeiras para fazer essa cirurgia, além de que ele já tem idade, 13 anos. Não tenho coragem de sacrifica-lo, e ele está sofrendo. Não sei o que faço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu cachorro esta do mesmo jeito que o seu. Recomendo vc procurar profissionais sérios em clínicas veterinárias gratuitas. Sempre tem uma!
      E mesmo o risco eu faria sim a cirurgia em meu cão, como vou fazer, não deixe seu animalzinho sofrer querendo defecar e não conseguir!
      Corra atrás que vc consegue. Coloque óleo mineral uma colher de sopa nas refeições dele e tem que ser pastoras. Para ajuda-lo a defecar e muita água para ele beber. Para vc ganhar tempo e correr atrás de ajuda para seu cãozinho.

      Excluir
  11. Amanda nao sacrifique-o!
    Meu cachorro tbm tem isso é estou levando ele ao hospital veterinário aqui de Recife,na rural,Ufrpe.
    O meu vai ser operado, não tem como deixar um animal nesta situação!
    O meu mesmo está com dificuldade de defecar. Isso dá perna do seu é dor. Deve ter muitas fezes feito o meu cachorro acumulada e isso causa dor e desconforto. Tente procurar um hospital gratuito veterinário em sua cidade e o leve. Mesmo que ele tenha idade o seu cãozinho não pode continuar sofrendo com dor. A medica pediu para eu dar ao meu comida paz toda, batida no liquidificador, com uma colher de sopa de óleo mineral misturada nas refeições dele até conseguir terminar os exames e finalmente marcar a cirurgia. O meu tbm está sofrendo. Nem durmo direito pensando em conseguir essa cirurgia logo. Se fosse o meu cachorro; que fosse velho como o seu, mesmo assim eu arriscaria a cirurgia, pois imagina vc querer defecar e não conseguir, que agonia.

    ResponderExcluir
  12. Meu cachorro tbm está passando por isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que lá na rural não me garantiram a cirurgia ainda vão ver se algum professor pega o caso dele como aula e faz!
      Ai fica eu angustiada, sem conseguir dormir por ver o cachorro neste estado. E senão fizerem lá?
      Como vou pagar meu Deus pois cada clínica particular que xoloque um preço e é mais de mil viu!
      Meu Deus as clínicas Mem olham pelos animais, parecem que só querem lucrar!
      Cobrava sim, mais um valor acessível para as pessoas poderem pagar e curar seus bichinhos. Meu Deus te peço que eu consiga nessa rural viu pq senão vou pedir nas ruas pelo meu cachorro até conseguir pagar uma cirurgia particular se for o caso.

      Excluir